Nueva revista electrónica EURE

Reproduzimos abaixo, mensagem da Revista EURE

Estimados,
Con el objetivo de elevar la visibilidad de la Revista EURE en la región y el mundo y así aumentar su factor de impacto, el equipo EURE se ha abocado durante el último año a la elaboración de una nueva versión electrónica de EURE.En la revista electrónica EURE, además de estar disponible todos los números de EURE y la versión digital del 100% de los artículos publicados hasta la fecha, se accede a un buscador onomástico, cronológico y temático que permite una búsqueda estandarizada y eficiente de artículos. Así mismo, estamos realizando hoy toda la gestión editorial de los artículos a través de la nueva página web mediante el sistema electrónico Open Journal System (OJS), de modo que tanto autores como árbitros puedan vincularse al proceso editorial de manera más expedita.

La  nueva revista electrónica EURE ya se encuentra disponible en el sitio www.eure.cl. Los invitamos a visitarla, especialmente en estos primeros días, para poder así recibir sus comentarios y sugerencias.Saludos cordiales,


Geraldine Herrmann
Profesora Estudios Urbanos UC
Directora Revista EURE (www.eure.cl)
Dr.-Ing. TUB
Arqto UCCamila Cociña Varas

Editora Revista EURE
www.eure.cl

Instituto de Estudios Urbanos, PUC.
El Comendador 1916, Providencia.
Santiago de Chile

Publicado por

LASTRO

O Laboratório da Conjuntura Social: tecnologia e território, criado em julho de 1996, no Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano e Regional (IPPUR) da Universidade Federal do Rio de Janeiro, tem, por principal finalidade, a valorização da ação social e dos estudos de conjuntura na pesquisa urbana, no momento em que a reestruturação econômica, apoiada nos fluxos informacionais e em novas orientações administrativas, altera oportunidades sociais, funções metropolitanas e o teor sócio-cultural da vida coletiva. O LASTRO encontra-se organizado em torno de uma proposta de trabalho eminentemente metodológica e transdisciplinar, que inclui o alcance de passagens analíticas, de difícil execução, entre esferas, níveis e escalas da experiência urbana brasileira. No desvendamento de uma metodologia adequada à análise de conjuntura comprometida com a dinâmica urbana, valoriza-se o ângulo da ação, onde outras opções analíticas privilegiam mudanças técnicas e tendências exclusivamente econômicas. Sem abandonar estes caminhos, o LASTRO adota, como seu norte reflexivo, as mutações no tecido social, manifestas através de alterações em representações coletivas dos contextos urbanos e em disputas de oportunidades de integração social. A ênfase na conjuntura corresponde a objetivos analíticos relacionados aos vínculos entre estrutura e ação, aos determinantes especificamente sociais da experiência urbana, à desinstitucionalização de relações sociais e à apropriação social de recursos materiais, técnicos e culturais condensados nos espaços metropolitanos do país

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s