1. Cultura, comunicação e informação

A mais antiga linha de pesquisa desenvolvida no LASTRO, iniciada ainda nos anos 80, é até hoje mantida. Valoriza a afirmação da esfera cultural, especialmente a partir do últimos anos da década de 70, como epicentro da renovação da política e da economia no país. Através desta linha, tem sido realizados estudos dos impactos sociais das tecnologias de informação e comunicação, da imagem urbana, da memória social e da relevância da propaganda na promoção seletiva de lugares e de práticas sociais.